sexta-feira, 27 de abril de 2012

Menos e menos

Isto é espantoso. Ninguém quer acreditar que está a acontecer em tempo de crise financeira. Será que há movimentos que nós não sabemos e que estamos perante uma nova realidade?
Sorte a nossa. Há que aproveitar ao máximo, mas infelizmente nunca baixará para os preços de antigamente. Menos de um euro por litro... 

quinta-feira, 26 de abril de 2012

quarta-feira, 25 de abril de 2012

O sempre ex-Presidente

A atitude de Soares não comparecer nas cerimónias institucionais do 25 de Abril revela arrogância e falta de educação. Soares sempre foi um dos melhores politicos da nossa era e a ele devemos-lhe a democracia, mas isso não lhe dá o direito de dizer sempre o que pensa nem de ter comportamentos deste tipo. Não se percebe, que sendo Soares um daqueles a quem a Associação 25 de Abril faz referência, tenha uma atitude de solidariedade para com os militares de Abril.
Ao ter feito isto, Soares desrespeitou o povo português que lhe paga com toda a caridade a renda da sua Fundação e os seus quatro lugares de estacionamento.
Mário Soares parece nunca ter saído da cadeira de Presidente da República e de viver com dificuldades de aceitação em relação ao facto de ser hoje um simples cidadão anónimo, mesmo que ex-Presidente da Republica. Para o ano, Soares vai voltar a estar presente nas cerimónias?

terça-feira, 24 de abril de 2012

Os crimes informáticos e de mau gosto

Há quem vá preso por roubar, violar, furtar, enganar e outros. 
Os crimes informáticos são uma novidade com que a justiça se tem de deparar neste inicio de século, mas condenar um jovem por piratear musicas de Delfins, João Pedro Pais e Alanis Morissette, é no mínimo rídiculo. Pior só mesmo o gosto musical do condenado, que não vai passar vergonha pela condenação, mas porque ouve JPP, Delfins e Alanis Morissette!

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Abril, Revoluções Mil

Em vésperas do aniversário do 25 de Abril, há mais uma voz de Abril ( ou neste caso de Novembro) a apelar a uma revolução feita pelo povo. Estando já os militares em reforma, agora é o povo que tem de tomar conta disto e indicar um caminho diferente para este país, porque a democracia já está esgotada há muito. No fundo, o que militares de Abril e Novembro andarem a fazer já não serve neste momento.
Não se entende, qual a razão deste contínuo apelo ao protesto popular, como se as instituições caíssem ao primeiro burburinho de esquerda. 
Pior do que tudo, é que ninguém aponta um caminho ou arranja uma solução. Essa é a verdade. Porque de facto, também já não depende de nós aquilo que se vai passar daqui a três ou quatro anos.

domingo, 22 de abril de 2012

Fim do sonho Sarkozy

François Hollande venceu a primeira volta das presidenciais francesas e vai muito provavelmente vencer a segunda.
Apesar de até dia 6 de Maio ainda muita coisa acontecer, uma dado parece já ser claro : Sarkozy perdeu muito com as suas posições de quase extrema direita, num país multicultural e com muitos emigrantes. 
A sua relação com Merkel e o caminho que está a tentar guiar a Europa com imposições e grupinhos à parte também prejudicou o ainda Presidente francês.
Quanto ao futuro Presidente, é de esperar que coloque um travão ás aspirações de Merkel e supere a grave crise financeira em que se encontra também o país.

sexta-feira, 20 de abril de 2012

O exemplo de má politica

Este é um exemplo de má politica e que em nada beneficia a imagem do Parlamento e dos nossos representantes. A forma como os partidos radicais tentam alterar uma iniciativa do governo, só para se divertirem é indecente. 
Não se entende como é que alguém, neste caso colectividades políticas, perdem tempo com iniciativas legislativas deste género. Em nada beneficia a AR mas também os próprios partidos. 
Por tudo isto, é natural que estes pequenos partidos continuem a ter uma votação miserável. Eu não consigo entender a razão da continuidade e existência do Partido OS Verdes na nossa democracia.

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Mais uma voz insegura

Mais uma. Mais uma voz discordante da actual liderança e política seguida por António José Seguro. Esta, ganha mais peso porque vem de uma ex-ministra de José Socrates, que ainda paira no Largo do Rato.

Depois de Isabel Moreira, Pedro Nuno Santos, entre outros,.....começa agora a fase em que os ex-ministros socráticos criticam AJS. Isto não tem fim. E o aniversário do primeiro ano na liderança está a chegar.

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Um Coelho prestes a ser apanhado

Esta polémica dos subsídios ainda não tem fim à vista. É óbvio que o governo deveria ter falado a uma só voz e não ter dado muito barulho em relação a esta questão. Uma vez terminada a polémica inicial, quando a questão voltasse à baila, apenas uma pessoa deveria ter dado a cara.

No entanto, e uma vez já esclarecida pelo próprio PM, a oposição comete um erro ao continuar com esta questão, porque todos já percebemos qual o objectivo de Passos Coelho. Até porque o mais lógico é que os subsídios sejam repostos no Orçamento do ano seguinte ao fim do programa de assistência financeira. Se se está a cumprir um programa, não se mudam as políticas a meio do jogo, porque isso retiraria brilho e credibilidade.

Contudo, o governo arriscou a sua "credibilidade", porque 2015 é um ano de eleições e assim este anúncio feito por PPC é logo aproveitado pela oposição para fazer especulações.

PPC vai ser preso por ter e não ter cão e pode pagar caro essa atitude, no entanto é de ressalvar a atitude e honestidade política e pessoal de PPC.

quarta-feira, 11 de abril de 2012

O homem da paz mas que nunca foi premiado

Kofi Annan foi um excelente Secretário Geral das Nações Unidas. Representou bem a instituição, deu-lhe credibilidade e conseguiu sanar muitos conflitos.

A sua presença como mediador no conflito da Libia é garante de estabilidade na região, após quase um ano de sangue e violentos confrontos. No entanto, Bashar Al-Assad não sai porque continua com o apoio da Russia e China. Durará pouco este cessar fogo conquistado por um homem que já deveria ter recebido um prémio nobel da Paz. Pelo menos, já fez mais pela paz no Mundo do que Barack Obama.


Gabriela, a grande artista

Para Gabriela Canavilhas, a existência de candeeiros de Siza Vieira em espaço escolar, deveu-se ao facto de ele ser "um grande artista".

Depois da festa de arquitectos e construtores de Maria Lurdes Rodrigues, ficamos a saber que a Parque Escolar foi um autêntico encontro de artistas e mercenários políticos.


sexta-feira, 6 de abril de 2012

Barack e o voto feminino




Depois de ter falhado na Saúde, Obama tenta conquistar os votos das Mulheres. De todas as raças, etnias e géneros, Barack Obama este ano aposta tudo na Igualdade.

Também no voto das mulheres, Obama ganha claramente a Romney.

quarta-feira, 4 de abril de 2012

O dia em que Seguro perdeu a liderança do PS



O dia em que António José Seguro perdeu a liderança do PS foi este, muito embora tenha ganho a Presidência dias depois....

ou então foi no dia em que António José Seguro ( já lider do PS..), decidiu interromper uma entrevista a António Costa.

Não há segurança neste PS....

Pedro Nuno Santos deu o mote para que a confusão se instale no PS. Recorde-se que AJS ainda nem tem um ano à frente da liderança do PS. Para lá se caminha mas entretanto, a revolução já chegou ao Largo do Rato.

A desculpa dada por PNS foi que estava contra o Tratado Orçamental, que tanto Seguro criticou. O deputado quer o voto contra, mas o que pretende mesmo é abrir uma ferida no grupo parlamentar e na direcção socialista.

Tal como aconteceu em situações com o PSD, o grupo parlamentar é o maior problema de um lider eleito após uma legislativas em que esse partido perdeu. Tudo porque o novo lider é sempre alguém "fora" do circulo do ex-lider, pese embora Seguro tenha estado muito tempo com Socrates. O problema é que os actuais deputados querem mesmo é António Costa. Bem esteve PPC ao não se sentar no Parlamento com um grupo escolhido por Manuela Ferreira Leite. Perante este facto, é de pensar que Costa é o senhor que se segue.

Primeiro foi Isabel Moreira (uma independente mas com língua socialista) a dar o tiro de partida. Agora a situação é mais grave porque trata-se de um vice-presidente da bancada parlamentar.

No meio de tudo isto, ainda há que ter em conta Marcelo de Rebelo de Sousa que meteu a foice em seara alheia para abanar ainda mais o barco. Já de si quase no fundo....

A noite promete ser de animação, já que Seguro vai reunir-se com o grupo parlamentar, pelo que não é admirar mais demissões....

E ainda há a questão de não saber como fazer oposição, tendo em conta o juramento feito à troika.


terça-feira, 3 de abril de 2012

Pouca gasolina



Tal como cá, nos Estados Unidos uma das grandes preocupações é o preço dos combustivies. Com a escassez de petróleo, a subida dos preços nos outros ramos e o nivel do aumento do custo de vida, o preço dos combustiveis são uma autêntica dor de cabeça para os automobilistas de todo o mundo. A comparação entre os preços nos diversos países já não é feita pelos consumidores, porque se atingiu um nível tão elevado que dificilmente desce.

O problema é sempre o mesmo : as companhias petrolíferas que usam e abusam da liberdade que lhes é concedida, que nem uma ameaça presidencial os leva a mudar de ideias. Tudo porque o mercado é livre e cada um faz o que quer, havendo um monopólio que não permite uma diferenciação de preços.

Esse é o maior problema, é que não há nenhum que seja mais barato.

domingo, 1 de abril de 2012

Grécia ao fundo

É oifical. A Grécia entrou hoje em bancarrota definitiva. O esperado aconteceu e desta é que foi mesmo.
A UE reuniu-se de emergência, tal como o governo grego e o português, para evitar qualquer tipo de situação semelhante.
Assim, os gregos ficarão fora do Euro, talvez da União Europeia e até quem sabe da própria terra.
O regresso ao Dracma é assim uma realidade. É apenas o primeiro a cair?