terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Dublin não é como Passos Coelho

A Irlanda anunciou que vai submeter o tratado orçamental europeu a um referendo. Decisão sábia e coerente dos irlandeses que nunca foram pró-europeus. É de aplaudir esta decisão pelas mudanças significativas que vão ocorrer após a entrada em vigor do novo tratado.

É curioso verificar que mesmo estando sob ajuda financeira da troika, a Irlanda não segue as politicas definidas por Merkel e Sarkozy. Aqui está um bom exemplo para Pedro Passos Coelho mas para todos os PM´s sem coragem para enfrentar o dueto.

Convêm recordar que foi a Irlanda que recusou uma Constituição Europeia e só no segundo referendo é que a população disse SIM ao tratado de Lisboa.


O Governo irlandês segue as regras democráticas e consulta o povo e ao mesmo tempo discute a Europa, algo que em Portugal que desde 86 nunca se fez. E não é por acaso que Dublin segue o mesmo caminho de Londres......


Afinal havia mais descontentes com esta medida anunciada pelo eixo Paris-Berlim

Sem comentários:

Enviar um comentário